terça-feira, 16 de setembro de 2014

Ed. 2345

  1. Os mitos sem eira nem beira da “esquerda” e da “direita”
  2. Barrado I
  3. Barrado II
  4. Premonição
  5. Turfe
  6. Universidade
  7. Chama em foco
  8. Licenciado I
  9. Licenciado II
  10. UFRGS I
  11. UFRGS II
  12. UFRGS III
  13. Brique
  14. Olha a faca
  15. Desfile
  16. Solene
  17. Fechando o cerco
  18. Atenção especial
  19. Fora do ar I
  20. Fora do ar II
  21. Dom Aloísio: Ave-Maria do Peão
  22. Schneider institui comissão para discutir a destinação do lixo
  23. Município começa a elaboração do Plano de Mobilidade Urbana
  24. Candidata recebeu reivindicações e falou sobre seu plano de governo
  25. Menos Imposto!: “É mentira desses loco”
  26. Última semana para sorteados na CNH Social iniciarem sua habilitação
  27. Nativistas recebem homenagem no Parlamento
  28. Sessões gratuitas de cinema estão na agenda de setembro do Sesc
  29. Bicampeã do Ranking Nacional de Paleteadas da ABCCC
  30. Brasil é o 7º país que mais tem feriados, segundo relatório
  31. Transplante ameniza sintomas do Mal de Parkinson
  32. Jovem mata um e fere três
  33. Mãe alcoolizada é denunciado por agressão as filhas
  34. Idosa está desaparecida
  35. Furto no Bairro Ipiranga
  36. Mais um homem preso por abigeato
  37. 13% dos caminhoneiros usam drogas, aponta levantamento
  38. Agressor será proibido de ocupar cargo público
  39. Inscrições para bolsas de estágio nos EUA podem ser feitas até o dia 12 de outubro
  40. Projeto de química orienta alunos sobre refeições saudáveis
  41. Estados e municípios trabalham para elaborar metas
  42. Alegrete já recebeu R$ 2,3 milhões em obras escolares
  43. Sopro de humor marca estreia de Jon Stewart em “Rosewater”
  44. Murray é “mistura perfeita entre amargo e doce”, diz diretor
  45. Filme mostra como era a Disney antes do Mickey
  46. Cicatrização: 10 alimentos que ajudam ou atrapalham a recuperação plena da pele
  47. Poeta deixa o ‘Jornal Nacional’ e Renata assume a bancada
  48. Patricia Abravanel dá à luz seu filho, Pedro
  49. Grêmio abre venda de ingressos para jogo contra o Santos
  50. Inter acredita na relação afetiva com Nilmar para acerto nos próximos dias
  51. Político mexicano que xingou Ronaldinho pode ser expulso
  52. Torneio de Bocha da Semana Farroupilha
  53. Tite não entende critério da CBF para Seleção: “me preparei”

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Partidos devem respeitar cota de gênero

Os partidos políticos ou coligações devem respeitar o mínimo de 30% e o máximo de 70% para candidaturas de cada gênero para os cargos proporcionais. A exigência só passou a valer a partir de 2009, quando houve a sanção da primeira minirreforma eleitoral. O texto original da Lei das Eleições previa apenas a reserva de vagas para a participação feminina.
No caso de descumprimento dessa cota, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), ao analisar o Demonstrativo de Regularidade de Atos Partidários (DRAP), pode intimar o partido ou a coligação para, em até 72 horas, sanar a irregularidade, apresentando novos candidatos que atendam à norma. Se não sanada a irregularidade, o DRAP será indeferido pelo TRE. Mas ainda pode haver recurso da decisão.

Prefeitura faz lançamento da feira das etnias

Acontece entre os dias 10 e 12 de outubro a I Feira das Etnias – Uruguaiana de todos os povos, promovida pela Prefeitura Municipal, através da secretaria de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho. O evento será realizado na praça Rio Branco. Participarão o Movimento Negro, o Lions Clube, que representa a etnia Alemã, o Lions Clube, que representa a etnia alemã e a Sociedade Árabe-Palestina, que representa a etnia árabe-palestina.
O lançamento do evento, ocorreu no foyer do Teatro Rosalina, na noite de 11/9, reunindo as entidades participantes, autoridades e convidados. O prefeito Luiz Augusto Schneider falou que o projeto tem o objetivo de integrar as comunidades e lembrou a recente criação do Gabinete Municipal de Promoção da Igualdade Racial – o primeiro do Estado, fora da região metropolitana.

Marcelo Lemos retoma trabalho na câmara

O vereador e candidato a deputado estadual pelo Partido Democrático Trabalhista (PDT), Marcelo Cardoso Lemos, mal se licenciou da cadeira na Câmara e retornou ao posto. Conforme ele, a decisão tem como principal motivo “não deixar a Câmara sem um vereador”.
A primeira suplente do Vereador, Liliane Repiso Riela manifestou interesse em não assumir o cargo. Outros dois suplentes tiveram problemas em razão de troca de partido.
Lemos ficou uma semana afastado da Casa Legislativa e retornou os trabalhos nesta sexta-feira, 12/9, quando ocorreu uma sessão extraordinária para votação de três projetos do Executivo. O parlamentar participou das três votações, cujo primeiro turno ocorreu na quinta-feira, 11/9.

Califórnia da Canção Nativa: Califórnia é lançada e executivo assina convênio para repasse financeiro


A 38ª Califórnia da Canção Nativa do Rio Grande do Sul foi oficialmente lançada em Uruguaiana nesta sexta-feira, 12/9, durante ato formal no Salão Nobre da Prefeitura. O evento é realizado pelo Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Sinuelo do Pago e Fato Singular Projetos Culturais e Eventos, com apoio, inclusive financeiro, da Prefeitura Municipal.
O apoio financeiro acontece através de um convênio, que passou pela Câmara de Vereadores e foi aprovado pelos parlamentares. De acordo com o projeto, o valor a ser destinado á Califórnia, de acordo com o cronograma da secretaria da Fazenda. Será repassado R$ 85 mil, mesmo valor que foi alcançado em 2013, na 37ª edição do evento.
O evento recebe recursos da Lei de Incentivo à Cultura (LIC), porém, os repasses não cobrem os custos do evento, razão pela qual se fez necessário o apoio do município. A assinatura do convênio foi feita durante o ato de lançamento da Califórnia, pelo prefeito Luiz Augusto Schneider.
Também foi apresentado o presidente da 38ª edição da Califórnia, professorv Luís Machado Stábile, que ressaltou a importância do evento e o apoio do Executivo. Também compondo a mesa principal, o secretário de Cultura, Rubens Montardo Junior falou sobre a historia da Califórnia, desde sua fundação, em 1971. Schneider lembrou o sucesso do evento no ano passado e destacou que o mesmo traz benefícios a Uruguaiana em vários aspectos, inclusive no econômico, pois movimenta o comércio e traz um grande número de turistas para o município nos dias do evento.

Prefeito empossa novo Conselho Municipal do Fundeb

O prefeito Luiz Augusto Schneider deu posse nesta quinta-feira, 11/9, ao Conselho Municipal de Acompanhamento e Controle Social do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). A posse ocorreu no Salão Nobre, com a presença do secretário de Educação, Francisco Robalo, e da então presidente, professora Dirce Gracioso.
O novo presidente é o professor Emerson Barreto Ortiz, que no Conselho representa os diretores das escolas municipais de ensino fundamental e, a vice-diretora é Mirian Cristina Pinheiro Ramos, que representa o Conselho Municipal de Educação. São integrantes titulares ainda: Lissara Bittencourt Fagundes e Shirla Adriana Souto Jacques (secretaria de Educação); Guilherme Brum Fagundes (professores das escolas municipais de ensino fundamental); Leocádia Picoli (diretores das escoals municipais de educação infantil); Fabio Rosa Telles (funcionários das escolas municipais); Marielle de Cássia Pilar Rodrigues e Paulo Adir Delgado Mercant (pais ede alunos das escolas municiapais); Rodrigo Soares e Izaura de Freitas Paz (estudantes da educação básica); Margaret Mezadri (Conselho Tutelar) e Alice Andéia Nunes (associação de bairros).
Na ocasião, Schneider destacou a importância dos conselhos, que segundo ele são “formas de transparência e de extrema ajuda para a administração municipal”. Ele desejou um bom trabalho aos novos conselheiros, que ficam no cargo por dois anos, e agradeceu a Dirce Gracioso e demais membros da gestão anterior, pelo trabalho desempenhado.

Vereadores aprovam mini-reforma tributária


Os projetos de readequação da taxa do lixo, readequação da taxa de contribuição de iluminação pública e de instituição da contribuição de melhoria, foram aprovados pela Câmara de Vereadores na manhã de ontem, 12/9. Os projetos, de autoria do Executivo, já tinham sido apresentados em 2013, quando foram rejeitados pelo Parlamento.
Encaminhados pela segunda vez, os projetos passaram por significativas alterações e, após a apresentação, um intenso trabalho de conscientização sobre a necessidade das alterações foi realizado, com destaque para a atuação do assessor legislativo, Rogério de Moraes.
No caso do lixo, trata-se de uma readequação na forma de cálculo do valor a ser pago. Atualmente, o valor é calculado com base na matrícula do imóvel, o que faz com que não haja diferenças entre imóveis de uso residencial e de uso comercial, além de não levar em conta o tamanho de cada um. Com o projeto, é a destinação e a área construída que definem o valor. Para os moradores, muito pouco altera. A compensação é feita pelos estabelecimentos comerciais, para quem a taxa irá subir. Sem o projeto, o Executivo tem um déficit mensal de R$ 129 mil, que terá fim com o novo projeto.
Contribuição de Melhoria
A contribuição de melhoria é a ajuda dos moradores para custear as melhorias que irão valorizar seu imóvel. Tal contribuição, em forma de taxa, é paga após a realização da melhoria, que só pode ser feita com a aprovação dos moradores.

Centelhas da Chama serão distribuídas neste sábado

O presidente da Comissão Organizadora dos festejos Farroupilha, Renato Rodrigues e o Coordenador do CTU, Ricardo Lima acompanham o grupo que conduz a Uruguaiana a Chama Crioula. O grupo de cavalarianos partiu do marco das Três Divisas e chega a Uruguaiana na tarde de hoje, quando as entidades receberão uma centelha do fogo. A entrega neste ano inicia às 18h. O local da entrega continua sendo a Praça Farroupilha. O presidente da Comissão chama a atenção dos tradicionalistas para as questões de segurança. Ele lembra o perigo existente em função do trânsito de cavalos na pista e pede que os patrões orientem os participantes das atividades, em relação a participação das crianças nas atividades. Renato ressalta que as crianças menores de 12 anos não poderão desfilar sozinhas no dia 20.

MPT reúne-se com órgãos públicos para tratar de piores formas de trabalho infantil

O Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Sul (MPT-RS) participou de reunião no Departamento Estadual da Criança e do Adolescente (DECA), subordinado à Polícia Civil, junto com o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). O objetivo do encontro foi o de tratar questões de interesse comum atinentes ao combate ao trabalho infantil, especialmente as piores formas, como exploração sexual de crianças e adolescentes e envolvimento de menores com tráfico de drogas, sobretudo as denúncias recebidas por meio do “Disque 100”.
Participaram da reunião o coordenador regional da Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho de Crianças e Adolescentes (Coordinfância) do MPT, procurador do Trabalho Roberto Portela Mildner, acompanhado da servidora Vitória Raskin, o diretor do DECA, delegado de Polícia Andrei Luiz Vivan, e a inspetora de polícia e psicóloga Suzana Braun, mais o coordenador estadual do Projeto de Erradicação do Trabalho Infantil do MTE no RS, auditor-fiscal do trabalho Roberto Padilha Guimarães. Conforme o procurador, “foi destacada a importância de estreitar os canais de comunicação entre os órgãos públicos envolvidos, assim contribuindo para fortalecer a rede de proteção de crianças e adolescentes”.
Também foi salientada a necessidade de priorização de atendimento das solicitações ministeriais de diligências.

Ponte do Ibicui fechará neste domingo

A Ponte sobre o Rio Ibicuí, na BR 472 será bloqueada no próximo domingo, dia 14 de setembro das 7h às 19h, segundo o DNIT. 
O fechamento ocorrerá em função da manutenção programada e preventiva do pavimento da ponte. Importante salientar que se houver chuva o serviço não poderá ser realizado nesta data.
No mês de julho, durante a enchente que atingiu a fronteira oeste, a Ponte foi interditada por mais de 50 horas devido a problemas apresentados na estrutura. A água chegou a cobrir a pista na oportunidade. 
O municípios de Uruguaiana e Itaqui buscam através de seus representantes, a construção de uma nova ponte sobre o rio.

Secretária de Saúde do RS visita Santa Casa


Como um agradecimento especial da Provedoria do Hospital da Santa Casa de Caridade, a secretária estadual da Saúde, Sandra Fagundes, recebeu na manhã de sexta-feira (12), em Uruguaiana, o crachá funcional da instituição de saúde. A distinção entregue pelo provedor Gennaro Alfano, foi a demonstração pelo apreço ao trabalho desenvolvido pela Secretária diante dos inúmeros pleitos e reivindicações elencados nos últimos meses e encaminhados pela equipe da Secretaria Estadual de Saúde, em benefício do hospital que é de referência regional.
A recepção foi acompanhada por gestores de saúde, corpo técnico e clínico da Santa Casa, além de funcionários da instituição hospitalar. Durante o evento, foi realizada pelo administrador do Hospital, Geovane Cravo, a apresentação do plano diretor, que prevê uma série de obras de ampliação da estrutura física da Santa Casa.
De acordo com a explanação do Administrador, um investimento de cerca de R$ 32 milhões será necessário para concretizar o planejamento assinado pela Marconi Engenharia, de Caxias do Sul. O valor será concretizado a partir de recursos oriundos dos Governos Federal e Estadual, além da própria contrapartida da Santa Casa de Caridade e de instituições parceiras.
O Hospital Santa Casa de Caridade de Uruguaiana recebeu entre 2011 e 2014 mais de R$ 10,5 milhões em incentivos estaduais pela política de co-financiamento hospitalar da Secretaria Estadual da Saúde (SES). No ano passado, através de projetos e programas de Saúde do Município foram repassados mais de R$ 8,1 milhões, valor bem maior do que no ano anterior, que ficou em torno de R$ 3,3 milhões.
Durante sua exposição no evento, a secretária Sandra Fagundes, fez questão de salientar que atualmente passou-se de tratar um hospital como um lugar de referência em saúde e com a perspectiva de que pacientes terminais o utilizem para tratamento e recuperação. “Deveremos trabalhar mais na promoção e na prevenção em Uruguaiana e região”, salientou Sandra Fagundes. Sobre prevenção a Secretária disse que as pessoas devem mudar procedimentos. “Devemos ter hábitos mais saudáveis na alimentação”, disse ainda, ao referir-se que o paciente deve se acostumar a consultar mais e a prevenir problemas de saúde antes que se instalem e venham a acarretar danos irreversíveis. “Uruguaiana tem feito o seu dever de casa, principalmente nos vários estímulos em termos de parcerias. O exemplo é a Santa Casa de Caridade”, finalizou, referindo-se a celebração dos vários investimentos com as esferas governamentais desenvolvida em Uruguaiana.
Somente em 2014, até o mês de agosto, o hospital recebeu como repasses da Secretaria o valor de R$ 6,5 milhões, como verba oriunda do Fundo Estadual da Saúde (FES). O montante, de acordo com a secretária Sandra Fagundes, é referente a investimentos destinados à atenção básica, linha de cuidado e especialidades, entre outros.
Durante o início da manhã, a secretária Sandra Fagundes, acompanhada do administrador Geovane Cravo, fez uma visita de trabalho às instalações do Hospital, onde pode constatar o que vendo realizado de investimentos diretos nas estruturas do HSCC. 
Ainda pela manhã, a Secretária foi recebida pelo prefeito Luiz Augusto Schneider.

STF quer informações sobre corte no aumento de salários para R$ 35 mil para Ministros

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), pediu informações à Presidência da República sobre o corte na proposta de aumento de salário aprovado pelos ministros da Corte. A manifestação faz parte do mandado de segurança no qual a Procuradoria-Geral da República (PGR) quer obrigar o Poder Executivo a incluir a proposta de aumento no Orçamento Geral da União de 2015.
De acordo com decisão da ministra, a Advocacia-Geral da União (AGU), órgão que representa a Presidência na Justiça, terá dez dias para se manifestar. “Admitida a relevância do tema, entendo presentes fundadas razões para solicitar à autoridade coatora que preste as necessárias informações, em dez dias, a partir das quais examinarei os pedidos de liminar, com ou sem aquelas.”, disse a ministra.
No mandado de segurança, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pede que o Supremo determine a inclusão do reajuste na proposta original, sem modificações. Caso a concessão de liminar não seja possível, o procurador pede que a tramitação do Orçamento seja paralisada.
Conforme a proposta aprovada pelo Supremo, a partir do dia 1º de janeiro do ano que vem, os ministros do STF passariam a ganhar R$ 35.919, caso o reajuste fosse aceito pelo Congresso Nacional. O salário atual é R$ 29.462. Para calcular o aumento, os ministros levaram em conta a recomposição inflacionária de 16,11%, referente ao período de 2009 a 2014. A proposta também contempla os servidores do Judiciário.
Outro reajuste para os ministros está previsto para o dia 1º de janeiro de 2015, de acordo com a Lei 12.771, de 28 de dezembro de 2012, que definiu o valor dos vencimentos dos ministros até 2015. Os vencimentos vão passar para R$ 30.935.
O Ministério do Planejamento afirma que, em respeito à autonomia dos Poderes, as propostas originalmente encaminhadas pelo Judiciário e pelo Ministério Público da União foram encaminhadas em anexo ao texto enviado ao Congresso, para conhecimento final e deliberação sobre a matéria.

Numero de demissões foi maior que contratações no mês de agosto no RS

Pela primeira vez desde 2005, o nível de emprego para o mês de agosto fechou negativo no Rio Grande do Sul. Foram 1.370 demissões a mais que o total de contratações. Só a indústria da transformação fechou com déficit de 6.099 vagas com carteira assinada. Os únicos desempenhos positivos vieram da Agropecuária, do Comércio e do setor extrativo mineral. Os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) foram divulgados, hoje à tarde, pelo Ministério do Trabalho.
No acumulado do ano no Rio Grande do Sul, o saldo entre demitidos e contratados ainda é positivo, em 45,6 mil postos no mercado de trabalho. Para se ter uma comparação, em agosto de 2010, por exemplo, a economia gaúcha criou 15,6 mil vagas e, no ano anterior, 10.983.
Entre as cidades gaúchas com mais de 30 mil habitantes, as que tiveram os maiores resultados negativos foram, nessa ordem, Santa Cruz do Sul, Venâncio Aires, Rio Grande, Caxias do Sul e Cachoeirinha. Porto Alegre teve o melhor resultado positivo, seguida de Vacaria, Santa Maria, Bento Gonçalves e Lajeado.
No Brasil, a geração de empregos fechou positiva em 101,4 mil vagas em agosto. 
Esse é o resultado mais tímido desde 2004. Mas o governo federal minimizou a comparação dizendo que teve, em agosto, o melhor desempenho do nível de emprego dos últimos três meses.
O ministro do Trabalho, Manoel Dias, lembrou que, desde janeiro, o País soma 751,4 mil novos empregos e se firma como um dos poucos países do mundo a continuar ofertando trabalho, mesmo em meio a uma das piores crises internacionais da história.

Associação do Paraná pede fim do voto de quem tem BF


Ideia debatida na internet, o fim do voto para quem recebe o Bolsa Família se tornou polêmica no Paraná. A associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa, município com 334 mil habitantes entregou documento com a proposta aos candidatos a cargos do Legislativo.
O texto pede a suspensão do direito ao voto para beneficiados de qualquer programa de transferência direta de renda, nas esferas municipal, estadual ou federal.” Apesar de não citar o programa do Governo, o pedido já provocou reações, por que fere direitos previstos na Constituição. Também é visto como uma forma de atingir a candidatura de Dilma Roussef (PT), já que a intenção de voto para ela de beneficiários do programa é de 54%, enquanto os outros nos eleitores está em 37%.

Presidente do Tribunal de Justiça assume Governo do Estado


O governador do Estado, Tarso Genro, sai de licença, na próxima segunda-feira, para se dedicar exclusivamente à reeleição. A Assembleia aprovou o pedido ainda na semana passada.
Como o vice Beto Grill e o presidente do Legislativo, Gilmar Sossella, concorrem a vagas na Câmara Federal e na Assembleia, respectivamente, o cargo vai ser preenchido pelo presidente do Tribunal de Justiça do Estado, desembargador José Aquino Flores de Camargo até cinco de outubro, data do primeiro turno. A Lei Eleitoral impede que Grill e Sossella assumam o cargo nos meses antes do pleito.
Havendo segundo turno, Tarso pode estender a licença, que não é remunerada, até o fim da disputa.

Exportações gaúchas caem 26% em agosto


As exportações do Rio Grande do Sul somaram US$ 1,75 bilhão em agosto, o que representa uma queda de 26,1% em comparação com o mesmo mês de 2013. A China, principal parceiro comercial, influenciou nesse resultado ao diminuir em 47,1% as compras de soja, levando a uma desaceleração de 50,3% dos produtos básicos. Já o recuo de 9,1% nas vendas externas do setor industrial, que somou US$ 1,25 bilhão, foi determinado principalmente pela queda nos pedidos da Argentina e dos Estados Unidos: 32,8% e 8,8%, respectivamente. Essa foi a sétima retração consecutiva da indústria gaúcha.
As fortes perdas industriais vieram dos setores de Veículos Automotores, Reboques e Carrocerias (-32,1%) e Máquinas e Equipamentos (-25,2%), ambas impactadas pelo país vizinho. Já o segmento de Produtos de Metal (-19,0%) sofreu com a menor demanda norte-americana. Outros desempenhos negativos ficaram por conta de Materiais Elétricos (-44,4%) e Tabaco (-20,1%). Já os avanços ocorreram em Coque e Derivados de Petróleo (26,3%), Couro e Calçados (18,4%) e Produtos Químicos (14,0%). Das 25 categorias industriais, somente oito apresentaram alta, enquanto 12 diminuíram e cinco registraram estabilidade.
Ainda em agosto, as importações do Estado tiveram redução de 20,8%, atingindo US$ 1,30 bilhão, ante o mesmo mês do ano passado.
Acumulado
De janeiro a agosto, as exportações gaúchas geraram US$ 12,61 bilhões, significando uma queda de 18% em comparação ao mesmo período de 2013.
Desse total, o setor industrial vendeu US$ 8,71 bilhões, uma perda de 21,1%. Dos recuos, os mais expressivos foram em Metalurgia (43,5%), Tabaco (28,6%), Veículos Automotores, Reboques e Carrocerias (25,5%).

Assalto próximo a “árvore dos enforcados”

Dois homens assaltaram um estabelecimento comercial, por volta das 17h de quinta-feira, próximo ao ponto conhecido como Árvore dos Enforcados. A dupla chegou ao estabelecimento numa motocicleta e armada de revólver anunciou o assalto. A funcionária do estabelecimento entregou a dupla a quantia de R$ 400 que estava no caixa e os maços de cigarro que estavam no mostruário. Em seguida a dupla fugiu em direção ao “Beco da Guampa”. 
O caso atendido primeiramente pela Brigada Militar, agora é apurado pela Polícia Civil.

Brigada Militar prende foragido


A Brigada Militar prendeu mais um foragido nesta semana. 
O sujeito de iniciais M. A. G. C. foi preso no Bairro São João e segundo a Brigada Militar, não reagiu a abordagem. 
O mandado da justiça foi cumprido na tarde do dia 9, pelos policiais do Policiamento Ostensivo.

Brasil tem 2 milhões de viciados em crack

De acordo com avaliação do deputado federal Osmar Terra (PMDB/RS), o Brasil tem cerca de 2 milhões de dependentes de crack, o que se caracteriza como o maior problema de saúde pública, que começou a ser agravar a partir de 2006. 
O parlamentar afirmou que o número de dependentes do crack cresce de forma descontrolada. Avalia-se que no Brasil existam 2 milhões de usuários, vivendo em situação de risco. Este é o maior problema de segurança e saúde pública no Brasil. Uma verdadeira epidemia.
Terra é autor do projeto de lei 7663/2010, aprovado na Câmara e em análise no Senado.
O texto prevê aumento da pena para traficantes, incentivo oficial para as comunidades terapêuticas e a instituição da internação involuntária para dependentes químicos em crise.
Osmar Terra avalia:
- A oferta de drogas pesada, como o crack, é agravada por nossas fronteiras por onde entra a cocaína vindas de países produtores como Bolívia, Colômbia. O preço de mantém estável e isto facilita o tráfico. É preciso combater este problema com uma legislação rigorosa.
HOMICÍDIOS
Ex-secretário de Saúde do Rio Grande do Sul durante oito anos, Terra criou o primeiro programa de enfrentamento do crack avalia:
- Mais da metade dos homicídios estão ligadas direta ou indiretamente ao tráfico de drogas, especialmente ao crack. 
Seja na luta entre facções de traficantes, seja pelas dívidas de usuários ou de pessoas que são mortas em assaltos praticados por drogados.
O projeto de lei prevê a internação involuntária do usuário. O parlamentar lembra que no Brasil existe a internação compulsória, que depende de uma ordem judicial e que leva tempo para ser obtida:
- A pessoa que já vendeu tudo o que tinha, agora rouba; vive na rua comendo restos de comida, ameaça a família em busca de dinheiro, não tem mais livre arbítrio – diz Terra. Os familiares poderiam recorrer a um psiquiatra que solicitariam a internação imediata desta pessoa que, na “fissura” da droga não tem condições de decidir nada. Primeiro ele seria desintoxicado, e depois se veria ele quer continuar ou não tratamento.

Traficantes são presos pela Brigada

Dois homens foram presos acusados de tráfico de drogas na tarde de ontem pela Brigada Militar, em Uruguaiana. A ação ocorreu na Rua 24 de Maio, onde após o monitoramento do Setor de Inteligência da Brigada, policiais do Policiamento Ostensivo e POE realizaram a abordagem. No veículo Uno conduzido pela dupla, a Polícia encontrou dois tijolos de maconha e apreendeu o celular contendo informações que servirão para a investigação agora assumida pela Polícia Civil. 
Conforme a Brigada, a P2 trabalha chegou aos traficantes, ao verificar denuncias de tráfico de drogas na Barragem. A dupla estaria levando drogas de Uruguaiana para lá.