segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Dezembro de cinema em Uruguaiana

02 e 03/12
Filme: Hipócrates

Sinopse: Benjamin tem certeza de que vai se tornar um grande médico. Mas em sua primeira residência no hospital onde o pai trabalha, nada acontece como previsto. A prática se revela mais difícil do que a teoria. A responsabilidade é terrível, seu pai é ausente e seu parceiro residente, Abdel, é um médico estrangeiro mais experiente do que ele. Benjamin vai confrontar brutalmente a seus limites, seus medos, os dos pacientes, das famílias, dos médicos e do pessoal. Sua iniciação começa.
Gênero / Faixa Etária: Comédia Dramática / 12 anos
Tempo de duração: 102 min
 09 e 10/12
Filme: Casa Grande
Sinopse: Sônia (Suzana Pires) e Hugo (Marcello Novaes) são da alta burguesia carioca e levam uma vida bastante confortável. Aos poucos vão à falência, mas ninguém sabe de seus problemas financeiros, nem mesmo o filho Jean (Thales Cavalcanti), que faz de tudo para se desvencilhar dos pais protetores. Para se manter, o casal corta despesas e ele, que só se preocupava com garotas e vestibular, enfrenta pela primeira vez a realidade.
Gênero / Faixa Etária: Drama / 14-18 anos
Tempo de duração: 115 min
16 e 17/12
Filme: O Sonho de Wadjda
Sinopse: Wadjda é uma menina de 12 anos que mora no subúrbio de Riade, capital da Arábia Saudita. Embora ela viva em uma cultura conservadora, é uma garota cheia de vida, que usa calça jeans, tênis, escuta rock-n’-roll e deseja apenas uma coisa: comprar uma bicicleta e disputar uma corrida com seu melhor amigo Abdallah. Mas, em uma sociedade que diz que as bicicletas são apenas para os meninos porque podem ser perigosas para a virtude das meninas, ela enfrentará muitas dificuldades para realizar seu sonho.
Gênero / Faixa Etária: Drama / 10 anos                                  Tempo de duração: 98 min
Programação Escolar                                                                                                     
Local: Sesc Uruguaiana (Rua Flores da Cunha, 1984)
Entrada franca para escolas, mediante agendamento no Sesc
Data e Horário: 01 a 29/12 (9h/14h)
Filme: O Menino e o Mundo
Sinopse: Um garoto mora com o pai e a mãe em uma pequena casa no campo. Diante da falta de trabalho, no entanto, o pai abandona o lar e parte para a cidade grande. Triste e desnorteado, o menino faz as malas, pega o trem e vai descobrir o novo mundo em que seu pai mora. Para a sua surpresa, a criança encontra uma sociedade marcada pela pobreza, exploração de trabalhadores e falta de perspectivas.
Temática: família brasileira/migração, processos de produção econômica, educação ambiental e filmes de animação.
Gênero / Faixa Etária: Animação / 10 anos
Tempo de duração: 80 min
Ópera na Tela- Festival de Filmes de Ópera                                                                
Local: Sesc Uruguaiana (Rua Flores da Cunha, 1984)
Entrada franca
06/12, às 19h
Aída, de Giuseppi Verdi
Sinopse: Radamés reprime a revolta da Etiópia e é premiado com a mão de Amnéris, filha do Faraó. Mas ele e Aída, escrava etíope, se amam. Aída consegue para o pai Amonasro, rei etíope prisioneiro, os planos militares. Amnéris descobre e, enciumada, revela a suposta traição. Radamés é condenado à morte e Aida escolhe morrer com seu amor. Teatro Alla Scala de Milão. Maestro: Zubin Mehta. Direção: Peter Stein. Orquestra e Coro do Teatro Alla Scala de Milano
Classificação: 12 anos
Duração: 2h31
07/12, às 19h
Os Capuleto e os Montéquio, de Vincenzo Bellini
Sinopse: A ópera foi baseada na peça de Luigi Scevola, e não na obra de Shakespeare. Romeo quer selar a paz casando-se com Julieta. Mas Capellio, seu pai, quer vingar seu filho. Por apoiar a guerra, o aliado Tebaldo, se casará com Julieta. Uma poção faz Julieta parecer morta. Romeo duela com Tebaldo, mas uma música anuncia o funeral da amada. Romeo toma o veneno. Julieta acorda, vê seu amado agonizando e se envenena também. Os dois morrem abraçados. Teatro La Fenice de Veneza. Maestro: Omer Meir Wellber.Direção: Arnaud Bernard.Orquestra e coro da La Fenice de Veneza

Classificação: 12 anos
Duração: 2h35
08/12, às 19h
A Noiva do Czar, de Nikolai Rimsky-Korsakov
Sinopse: Gryaznoy, um nobre da corte do Czar Ivan, quer casar-se com Marfa, filha de Vasily Sobakin, de Novgrod, já prometida a Ivan Likov, um jovem nobre. Gryaznoy pede uma poção do amor à sua amante, Lyubasha, que lhe entrega uma droga que fará com que sua rival perca a beleza. O Czar Ivan procura uma esposa e escolhe Marfa, que adoece. Likov e Lyubasha são mortos por Gryaznoy. Maestro: Daniel Barenboïm. Direção: Dmitri Tcherniakov. Orquestra e Coro da Ópera Estatal de Berlim
Classificação: 12 anos
Duração: 2h32
12/12, às 19h
O Barbeiro de Sevilha, de Gioacchino Rossini
Sinopse: O Conde Almaviva corteja Rosina com a ajuda de Fígaro, barbeiro e factótum de Sevilha. Dr. Bartolo quer a fortuna de sua “protegida” e a vigia. O barbeiro inventa diversos estratagemas para aproximar os dois. Mas Fígaro consegue reunir o casal e frustrar os planos do Dr. Bartolo.
Ópera de Paris. Maestro: Carlos Montanaro.Direção: Damiano Michieletto

Classificação: 12 anos
Duração: 2h56
13/12, às 19h
A Flauta Mágica, de Wolfgang Amadeus Mozart
Sinopse: Tamino é convencido pela Rainha da Noite que Pamina, sua filha, foi sequestrada por Sarastro. Mas que ele e Papageno, o caçador de passarinhos, devem salvar sua filha. Sinos de prata e uma flauta mágica os protegerão. A jornada revelará a sabedoria de Sarastro, a força e a fragilidade de cada personagem, derrotando, ao final, os que se uniram apenas pelo poder. Maestro: Sir Simon Rattle. Direção: Robert Carsen. Orquestra Filarmônica de Berlim
Classificação: 12 anos
Duração: 2h30
14/12, às 19h
O Rapto no Harém, de Wolfgang Amadeus Mozart
Sinopse: Belmonte procura a esposa Konstanze e a criada Blonde, aprisionadas pelo Paxá. Com a ajuda de Pedrillo, Belmonte se passa por arquiteto para entrar no palácio guardado por Osmin. Belmonte e Pedrillo são capturados ao tentarem raptar Konstanze do serralho, mas o Paxá oferece clemência. Tudo termina com os casais navegando para longe. Um grande desgosto para Osmin. Maestro: Philippe Jordan. Direção: Zabou Breitman. Orquestra e Coro da Ópera Nacional de Paris
Classificação: 12 anos
Duração: 3h01
 15/12, às 19h
Traviata e Nós, adaptado da obra de Giuseppi Verdi
Sinopse: Primavera de 2011, Jean-Fraçois Sivadier encena La Traviata em Aix-en-Porvence, com direção musical da Orquestra Sinfônica de Londres por Louis Langrée. Durante dois meses, uma equipe de filmagem acompanha de perto os bastidores nas salas de ensaio do Teatro da Arquidiocese. Ele mergulha no coração da coreografia, exercícios de canto e várias interpretações do drama. A história então renasce lentamente no palco: reencontro de Alfredo e Violetta, o romance dos dois não agrada ao pai do jovem rapaz e em seguida, uma tragédia romântica. Gênero: Documentário. Direção: Philippe Béziat. Orquestra e Coro da Ópera Nacional de Paris
Classificação: 12 anos
Duração: 1h52m

Ciep comemora 24 anos



Daiany Mossi

Em comemoração aos 24 anos de trabalhos voltados à comunidade, a escola João Baptista Lusardo (CIEP) realizou ontem, uma Mostra Pedagógica com o tema: Sustentabilidade é meio ambiente.
Alunos, professores e funcionários estiveram engajados no evento marcado pela reutilização de materiais, a originalidade dos estudantes e o interesse pelo meio ambiente.
Localizado no bairro Prolar, a escola trabalha com turno integral, envolvendo 1.300 alunos. Além das atividades curriculares, a escola oferece projetos complementares, incentivando os alunos à prática de esportes e o desenvolvimento de momentos culturais. Além da Mostra, a programação de aniversário inclui o sarau literário e no domingo, a primeira rústica envolvendo a comunidade com o tema “Correndo atrás dos sonhos”.
Instituições idealizadas no Brasil para a experiência de escolarização em tempo integral, os Ciep’s foram criados na década de 80 por Darcy Ribeiro, quando era Secretário da Educação no Rio de Janeiro, no governo de Leonel Brizola. O objetivo era proporcionar educação, esportes, assistência médica, alimentos e atividades culturais variadas, em instituições colocadas fora da rede educacional regular. Além disso, estas escolas deveriam obedecer a um projeto arquitetônico uniforme. Alguns estudiosos acreditam que, para criar os Ciep’s, Darcy Ribeiro havia se inspirado no projeto Escola-Parque de Salvador, de Anísio Teixeira, datado de 1950.
A ideia dos Ciep’s considerava que todas as unidades deveriam funcionar de acordo com um projeto pedagógico único e com uma organização escolar padronizada, para evitar a diferença de qualidade entre as escolas.

Nota do Simvet/RS sobre pacote de ajustes do governo do Rio Grande do Sul

O Sindicato dos Médicos Veterinários no Estado do Rio Grande do Sul (Simvet/RS) defende um amplo debate com o segmento produtivo do Estado em torno do pacote de medidas de ajuste fiscal e administrativo, anunciado no último dia 21 de novembro pelo governo gaúcho. A entidade entende que a crise financeira não será enfrentada com a extinção de instituições centenárias como a Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária (Fepagro) e a Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul (FZB). Destaca que as medidas poderão causar efeitos danosos para a economia do Estado e mais sacrifícios ao servidor público.
Com relação à Fepagro, a entidade afirma que projetos de pesquisa agropecuária que aumentam a produtividade no campo poderão voltar a ficar estagnados devido à burocracia e ao emperramento da máquina pública. O trabalho desenvolvido pela Fundação passará para a Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Irrigação (Seapi). No entendimento do Simvet/RS, o Estado ficará refém de dados e informações de terceiros, não tendo base para um planejamento confiável. No entanto, com autonomia e manutenção da atual estrutura, a instituição seria totalmente auto-sustentável, com bom rendimento tanto para pagar a folha dos funcionários como para gerar novos projetos de pesquisa.
 O Simvet/RS ressalta ainda o trabalho desenvolvido pela Fundação Zoobotânica, que congrega o Museu Riograndense de Ciências Naturais, o Jardim Botânico e o Parque Zoológico. Lembra que muitos benefícios têm trazido para a população ao desenvolver pesquisas voltadas à biodiversidade e à educação ambiental.

Em Brasília: Audiência debateu incentivo ao consumo de derivados do arroz

Gabriela Barcellos
A inclusão de produtos derivados do arroz nas compras do governo federal foi pauta em uma audiência pública realizada pela Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara Federal, em Brasília na última semana. A audiência tratou da importância do estímulo ao aumento do consumo de farinha de arroz e de seus derivados e formas de incentivar a produção e a comercialização do produto.
O diretor comercial do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), Tiago Sarmento Barata, que esteve na audiência. “Eu vi com bons olhos esta reunião e estamos muito otimistas, principalmente, pela participação do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDSA), através do secretário Caio Rocha, que sinalizou a intenção de incluir a farinha de arroz e seus derivados nas compras públicas, destinadas, em primeira estância, às forças armadas”, avaliou.
Segundo dados do Ministério da Agricultura, o arroz está entre os cereais mais consumidos do mundo e o Brasil é o nono maior produtor mundial do cereal. Mesmo assim, o consumo de produtos derivados de arroz, como farinhas e bolachas, por exemplo, ainda é considerado pequeno. O Rio Grande do Sul é responsável por 70% da produção nacional do cereal e, Uruguaiana é o maior produtor de arroz irrigado da América Latina. O segundo maior produtor é o município vizinho de Itaqui.
A medida exige que 70% dos sócios de cooperativas arrozeira pertençam, necessariamente, à agricultura familiar.  “Sem dúvida, a farinha de arroz surge como alternativa interessante como substituição à farinha de trigo, principalmente por se caracterizar de uma fonte segura de alimentação aos portadores de doenças celíacas e demais pessoas com restrição ao glúten”, concluiu o diretor.
Em fevereiro deste ano, o Irga, ao lado da Federação das Associações de Arrozeiros do Estado do Rio Grande do Sul (Federarroz), Federação da Agricultura do Estado do RS (Farsul), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), apresentou à cadeira orizícola o Programa de Valorização do Arroz, que visa aumentar o consumo do cereal, conscientizando a população sobre os benefícios desse alimento para a saúde. As instituições atuam de forma conjunta para levar a informação aos consumidores.

Pecuária: Melhoramento genético é fundamental para resultados

Nestor Tipa Júnior

Quem está entrando no ramo da pecuária de corte, seja criador ou profissional de campo, tem no melhoramento genético uma das principais ferramentas para a obtenção de resultados na propriedade. Para as raças Hereford e Braford, a Conexão Delta G vem desenvolvendo programas em parceria com entidades de pesquisa e empresas que visam trazer aos associados e clientes dos criatórios que compõem a entidade a melhor genética.
 Conforme o presidente do Conselho Técnico da Conexão Delta G, Bernardo Pötter, quem está iniciando na atividade precisa entender as etapas do programa de melhoramento genético. Explica que o primeiro passo é o controle de coleta de dados, que deve ser rigorosa, passando pelo entendimento e aplicação do conceito de grupos contemporâneos, que são grupos onde os animais recebem as mesmas oportunidades e serem comparados entre eles. “Depois vem a avaliação genética em si, que consiste em rodar os programas de avaliação e, por fim, interpretar os relatórios e exercer a seleção à campo. Estas são as etapas de como podemos aplicar o melhoramento genético na propriedade”, salienta.
De acordo com o especialista, no caso da Conexão Delta G, o Conselho Técnico da entidade junto com a empresa Gensys Consultores Associados, sempre orienta os técnicos das propriedades associadas. “ Os ensinamentos são passados aos estagiários recebidos nas propriedades. Desta maneira contribuímos para o melhoramento genético no país. Frisamos bem para quem inicia a vida profissional os conceitos e as etapas do melhoramento genético”, observa.
Sempre envolvida com pesquisa, um dos projetos de maior destaque da Conexão Delta G é o de seleção genômica para resistência ao carrapato bovino. Criado em 2009, tem a parceria da Embrapa Pecuária Sul, de Bagé (RS), e a Gensys Consultores Associados, com apoio da Associação Brasileira de Hereford e Braford (ABHB). O programa desenvolve um projeto de seleção genômica para resistência ao carrapato, o qual combina dados de contagens de carrapato e de genealogia com informações de DNA, de modo a identificar e selecionar aqueles animais mais resistentes.
Mais de quatro mil animais de membros da Conexão Delta G no Rio Grande do Sul já foram avaliados e genotipados por meio da análise genômica, que é a associação entre a Diferença Esperada de Progênie (DEP) tradicional, gerada a partir da contagem de carrapatos, com as informações do DNA dos animais obtidas da genotipagem dos mesmos. Com isso, são identificados exemplares mais resistentes aos carrapatos e que são selecionados para a reprodução de bovinos com as mesmas características.

domingo, 4 de dezembro de 2016

Jovem executado nas Áreas Verdes



Um jovem foi morto a tiros, golpes de facão e faca, na madrugada deste domingo, 4/12. O crime ocorreu por volta das 5h30mim, na esquina das ruas dos Cravos e dos Álamos, nas Áreas Verdes. Trata-se de Anthony Marciel Lucero Dias, 21 anos, morador do bairro Cidade Nova, simpatizante da canabis, com passagens pela polícia por posse de entorpecentes.
Testemunhas dizem ter ouvido uma discussão seguida de três disparos de arma de fogo, e três ou quatro indivíduos fugindo do local. Segundo os relatos, ele foi colocado de joelhos e implorou para não ser morto. Alguns tiros foram na cara, e pelo menos um, de calibre 38, foi no tórax. O corpo foi encontrado entre duas garrafas de "litrão", uma pela metade, e outra deitada sobre a via.
A Brigada Militar fez o isolamento do local, hipotecando duas viaturas e deixando descoberto o policiamento da cidade, por falta de efetivo.
O Instituto Geral de Perícias deslocou profissionais de Santana do Livramento que iniciaram os trabalhos técnicos às 10h, concluindo com coleta de material genético para confirmar a identificação. O laudo de exame cadavérico será expedido por técnicos de Alegrete, para onde o corpo foi encaminhado, pois nem com médicos legistas a cidade de Uruguaiana, uma das mais violentas do Estado e com índices alarmantes de homicídio, conta.
A investigação preliminar coube ao delegado plantonista Enio Tassi, titular da 1ª Delegacia de Polícia que, junto com o agente Éderson, tomaram depoimentos de vizinhos e imagens das câmeras de vídeo monitoramento das cercanias. As imagens ainda estão sob análise da polícia.

sábado, 3 de dezembro de 2016

190 em ação

Ameaça
Uma moradora do João Paulo II registrou ocorrência policial por ameaça contra uma vizinha. Segundo ela, a vizinha constantemente lhe ofende com palavras de baixo calão, e a ameaça com uma faca.
Calúnia
A mãe de um adolescente procurou à Polícia Civil para registrar que, uma vizinha está caluniando o menor. De acordo com ela, a mulher está ‘espalhando por aí’, que o adolescente furtou seu cachorro de estimação.
Adolescente
Um pai procurou a polícia depois que a filha menor apareceu em sua casa, pedindo abrigo após ter um desentendimento com a mãe. Ele registrou por orientação de seu advogado, visando prevenir-se, já que não é o responsável legal pela menor.
Flagrante
Um homem foi preso depois de agredir a companheira durante uma briga. Na Delegacia de Polícia, a vítima solicitou o deferimento de medidas protetivas contra o acusado. Ele foi autuado em flagrante e encaminhado à Penitenciária Modulada Estadual de Uruguaiana (PMEU).
Assalto
Dois adolescentes foram assaltados na Rua Bento Martins, próxumo ao Calçadão. Eles foram abordados por três rapazes, um deles armado, que mandou que eles entregassem os telefones celulares. Também foi roubado um boné.

Inaugurado Gabinete de Gestão Integrada de Fronteira

Gabriela Barcellos

Foi inaugurado nesta quarta-feira, 30/11, com a primeira reunião, Gabinete de Gestão Integrada de Fronteira (GGI-F). O secretário Cezar Schirmer recebeu os integrantes do colegiado para debater as ações em conjunto entre os órgãos para questões de segurança nas fronteiras do estado e o evento teve a participação do chefe de Polícia de Cerro Largo e coordenador de fronteira Uruguai e Brasil, José Adan Oliveira Morales.
A instauração do GGI-F atende ao Decreto Federal nº 48.197, de julho de 2011, e tem como objetivo, no Rio Grande do Sul, facilitar a coordenação do Sistema Único de Segurança Pública, na área de influência fronteiriça do Estado, seguindo as orientações do Plano Estratégico de Fronteiras, além de estreitar relações entre os órgãos e receber de maneira direta as demandas relacionadas às especificidades das fronteiras.
A aproximação na área da segurança pública é necessária para lidar com as características particulares dos crimes de fronteiras. “Compreendemos que são, também, questões federais, mas o Gabinete de Gestão Integrada de Fronteiras consegue, nesses encontros, recolher questões que orientam as ações dos órgãos e encaminhar para o governo federal as necessidades específicas das fronteiras internacionais”, explicou o Secretário.
José Oliveira apresentou o modo de atuação da polícia do Uruguai, discutiu a possibilidade de serem desenvolvidas estratégias em comum entre as polícias dos dois países e o compartilhamento de informações para ações nos 1 064 km de fronteiras entre o Uruguai e o Brasil. “A fragilidade do ingresso nos países facilita a atuação de quadrilhas que cometem crimes transnacionais, como o tráfico de drogas, armas, furtos e clonagens de veículos, abigeato e entrada de agrotóxicos e propulsores químicos. É muito importante ter um diálogo próximo e compreender como funcionam as leis de cada país, para podermos agir em conjunto”, salientou.
A Polícia Civil e a Brigada Militar apresentaram suas ações estratégicas para as fronteiras, destacando os resultados, o investimento e as ações da Força-Tarefa do Abigeato. O chefe de Polícia, Emerson Wendt, destacou a ação das 18 delegacias regionais envolvidas com os crimes de fronteiras e a apreensão de mais de mil armas nas 163 operações realizadas nesse ano.

O GGI-F
O Gabinete de Gestão Integrada de Fronteira é um órgão deliberativo, consultivo e executivo que opera por consenso, respeitando a autonomia dos órgãos e instituições que o compõem. Compete ao GGIF-RS implementar o Plano Estratégico de Fronteiras no âmbito do Estado do Rio Grande do Sul; identificar os principais focos de criminalidade e violência nas Áreas de Fronteira do Estado; propor ações públicas destinadas a reduzir a criminalidade e a insegurança pública; coordenar as ações dos órgãos e entidades que o compõem, respeitando suas competências; contribuir para uma atuação integrada e harmônica com os órgãos do Poder Judiciário, na execução do diagnóstico, planejamento e monitoração de políticas de segurança pública; incentivar programas de prevenção e repressão qualificada da criminalidade e promover a integração com os estados da faixa de fronteira brasileira com os países fronteiriços do Uruguai e Argentina – área na qual Uruguaiana está incluída.

AL aprova Comissão de Segurança

Gabriela Barcellos

Dos 50 deputados presentes, 49 votaram a favor da criação da Comissão Especial de Segurança Pública, proposição do deputado Ronaldo Santini (PTB) e assinada por mais 42 parlamentares. O Regimento Interno da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul prevê que o deputado proponente de Comissão Especial deve ser escolhido presidente automaticamente. Portanto, Santini presidirá a mesa da Comissão Especial da Segurança Pública. Para isso, ele renunciou à presidência da Comissão de Finanças, Planejamento, Fiscalização e Controle.
 Serão 12 representantes das maiores bancadas do Parlamento, com 12 suplentes, sendo que a escolha do relator e vice-presidente acontece no plenário da Comissão. Santini acredita no sucesso dos trabalhos, devido à coleta de 43 assinaturas, representando 53 deputados, que demonstraram grande comprometimento com o tema.
O órgão técnico terá prazo de dez dias para ser instalado e terá 120 dias, não-prorrogáveis, para apresentar um relatório contendo sugestões de medidas para serem implementadas pelo Executivo. “Acreditamos que neste momento o mais adequado para enfrentarmos a crise é a Comissão Especial, que apresenta uma alternativa de tratarmos esta questão com o objetivo de promovermos ações práticas e imediatas. Porém, este movimento não anula as demais iniciativas da sociedade civil e organizada”, explica.
Entre os temas críticos a serem tratados está a questão do sistema penitenciário estadual, que está falido. A Comissão também pretende avaliar os últimos 20 anos de gestão da segurança pública.

BM lança Operação Papai Noel 2016

Gabriela Barcellos

Em nível de Estado, será lançada na segunda-feira, 5/12, a Operação Papai Noel 2016, da Brigada Militar. Em Uruguaiana, porém, a cerimônia de abertura acontece frente à Prefeitura Municipal, às 10h, de quarta-feira, 7/12. A secretaria municipal de Segurança e Trânsito, neste ano, irá dar reforço à BM durante a operação, através da Ronda Ostensiva Municipal Urbana (Romu).
A ação, já tradicional no calendário da BM, tem como principal objetivo coibir furtos e roubos nas proximidades de centros comerciais e em locais com grande fluxo de pessoas.
O período é considerado crítico, especialmente para o comércio, e a incidência desses crimes cresce significativamente. Além dos estabelecimentos comerciais, pedestres são, com ainda maior frequência, alvo de assaltantes e furtadores, pois muitas vezes caminham carregando compras, o que chama a atenção da bandidagem.
De acordo com a assessoria de imprensa da secretaria de Segurança Pública do Estado, neste ano a operação se estenderá até o dia 31 de dezembro.

Tentativa de latrocínio deixa duas pessoas feridas

Gabriela Barcellos

Duas pessoas foram feridas a tiros na madrugada de quinta-feira, 1º/12, na Rua General Hipólito, próximo ao Mr. Dan. O fato foi registrado como tentativa de latrocínio e está sendo investigado pela 1ª Delegacia de Polícia, sob coordenação do delegado Enio Tassi. O crime ocorreu por volta de 5h30min.
Uma das vítimas, Lucas Josias Soares Melgarecho, de 39 anos, foi baleado no tórax. Ele contou que foi abordado por um homem em uma motocicleta, que anunciou tratar-se de um assalto e roubou o telefone celular da vítima. Ele disse não ter reagido, mas mesmo tendo entregado o aparelho, foi atingido pelo bandido.
Já Alan Padilha da Costa, de 18 anos, passava nas proximidades, acompanhado de um amigo, quando acabou sendo atingido na perna por um dos disparos efeituados pelo bandido, que tripulava uma motocicleta Fazer Bordeaux. Pelo menos um suspeito já foi identificado pela equipe de investigação da 1ª DP.
As duas vítimas foram encaminhadas ao pronto socorro municipal, inclusive ficando internadas no Hospital Santa Casa de Caridade.

Bandeira tarifária de energia elétrica volta a ficar verde

A bandeira tarifária de energia elétrica volta a ficar verde em dezembro. Isso significa que não haverá cobranças extras na conta de energia. Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o que determinou a volta dessa bandeira foi o retorno do período chuvoso que abasteceu os reservatórios das usinas hidrelétricas.
O consumidor poderá sentir no bolso a mudança da bandeira tarifária. Segundo o engenheiro eletricista, Thiago de Almeida Garcia, o valor das contas vai baixar. “Vamos ter uma redução no valor da conta de energia elétrica. Uma redução de R$ 1,50 a cada 100 kW/h”, afirma.
Há dois meses, o professor  Francisco da Paz de Carvalho vem  tentando economizar energia em casa. Ele trocou por exemplo as lâmpadas da casa, por outras mais econômicas. O valor segundo ele, só foi baixar, após algumas mudanças.
“Começamos a fazer um controle. Ligar eletrodomésticos só na hora do uso. Usou, desligou”, explica.

Transporte escolar não precisa mais apresentar cadeirinhas

O Comitê Executivo do Conselho Nacional do Trânsito (Contran) decidiu suspender a exigência de dispositivo de segurança para o transporte de crianças com até 7 anos e meio em veículos escolares antigos.
De acordo com o texto, a decisão levou em conta dificuldades técnicas, econômicas e sociais para a adaptação dos veículos em circulação ao uso da cadeirinha e a baixa oferta no mercado de dispositivos de retenção apropriados para veículos escolares dotados de cintos de segurança do tipo sub-abdominal (cinto de dois pontos).
Ainda segundo o Contran, também foi levada em consideração a necessidade de realização de estudos complementares para a avaliar a efetividade da adaptação dos sistemas de retenção nos veículos já em circulação.
A resolução inicial do comitê, publicada em julho do ano passado, previa que, a partir de fevereiro deste ano, veículos de transporte escolar teriam que disponibilizar cadeirinhas para crianças de até 7 anos e meio de idade. Após uma série de protestos de donos de vans escolares contrários à resolução do Contran, no final de 2015, a fiscalização da norma foi adiada para janeiro de 2017.

“Amigos dos Deficientes” alugam cadeiras de roda

Daiany Mossi

A Associação de Amigos dos Deficientes Físicos (Aadur) aluga cadeiras de roda recebidas em doação. A denúncia foi confirmada pela presidente da entidade, Tânia Gonçalves, ao ser questionada por nossa reportagem quanto aos preços e formas de locação.
A informação partiu de um jovem que foi atropelado por uma viatura da Brigada Militar e perdeu uma das pernas. Ele ainda disse que a Aadur recebeu de uma igreja a doação de 80 cadeiras para atender a população mais necessitada.
Segundo Tânia, a entidade possui uma cadeira para empréstimo e as demais são para locação. A que não tem custo já está emprestada, portanto só estão disponíveis as destinadas a locação. O custo é de R$ 20 mensais, com locação mínima de seis meses. A entidade exige a apresentação de documentos como CPF para a assinatura de um contrato.

Mui amigos
A Aadur é uma entidade filantrópica e funciona em sala cedida pela Prefeitura de Uruguaiana, recebendo recursos e incentivos financeiros do poder público.

Onde está o dinheiro? Estado não deve nada à Santa Casa

Daiany Mossi e Nilson Corrêa

O prefeito Luiz Augusto Schneider esteve em Porto Alegre nesta semana, onde se reuniu com o secretário de Saúde do Estado, João Gabbardo dos Reis, na busca de dinheiro para a crise que assola a Santa Casa.
O administrador Geovane Cravo atribui a crise ao não pagamento de valores devidos pelo Estado e pelo Município, mas em dois anos de gestão, quadruplicou a folha de pagamento e endividou a instutuição em mais de R$ 40 milhões.
Schneider diz que o Município não deve o valor exorbitante cobrado pelo administrador, e ao cobrar o pagamento do secretário Gabbardo, foi surpreendido com a informação de que a conta com a Santa Casa está em dia. A informação de Gabbardo veio acompanhada de comprovantes de sequestros judiciais e relação de empenhos liquidados.
“Ratifico a inexistência de pendências de repasses financeiros, por parte da SES, a favor da Santa Casa de Caridade de Uruguaiana”, disse o secretário em ofício enviado ao Prefeito.
À reportagem do CIDADE, o administrador Cravo reafirmou que o Estado deve R$ 2,2 milhões ao hospital, e por isso os salários estão atrasados, há dificuldade para compra de medicamentos e material, além de  adiamento de cirurgias eletivas.

Caixa preta
Durante a gestão da Santa Casa pelo município, o então provedor Lauro Delgado afirmou existirem segredos tão macabros que, se revelados, deixariam Uruguaiana estarrecida.
Nesta semana o Prefeito Schneider cobrou transparência e lançou uma série de perguntas que encaminhamos ao administrador: Qual o valor da folha de pagamento? Quantos são os funcionários? Quantas diretorias foram criadas? Qual o salário dos diretores? Qual o salário do administrador? Qual o resultado da auditoria noticiada? Que ações foram tomadas?
As perguntas continuam sem resposta, e a falta de transparência preocupa também a classe médica, que sequer teve vistas às três auditorias realizadas e quer saber onde está indo o dinheiro  faturado por serviços como o de cardiologia, radiologia, oncologia, entre outros.
Em recente reunião, enquanto o administrador era questionado, um médico passou mal, e outro se retirou em protesto.

Greve
Os funcionários da Santa Casa decidiram em assembleia geral na última quinta-feira, entrar em greve a partir de segunda-feira. Apenas 30% dos trabalhos serão mantidos.
Para o diretor do Sindisaúde, Rogério de Moraes, a intenção não é prejudicar pacientes, mas chamar a atenção das autoridades para a grave situação enfrentada pelo hospital, e buscar apoio da comunidade. Rogério lidera um movimento de funcionários descontentes com a gestão atual e que pede às autoridades públicas a intervenção administrativa como única forma de salvar a Instutuição do colapso.

Vereadores se reuniram no Imbaá


Gabriela Barcellos

O Poder Legislativo se reuniu, na quinta-feira, 1/12, na localidade de Imbaá. A Escola Municipal Patrício Lopes foi a sede da sessão ordinária. Estiveram presentes professores e alunos do educandário, além da comunidade em geral.
A realização do encontro no interior do município atende a uma determinação do Regimento Interno da Casa Legislativa. Anualmente, pelo menos uma sessão ordinária deve ser realizada em cada uma das localidades do interior. O objetivo é descentralizar o trabalho do Parlamento e aproximar os vereadores da comunidade do interior, que não pode acompanhar as ações.
Durante a apresentação da ordem do dia, foi aberto espaço os presentes exporem suas reivindicações. Os prejuízos à população com a falta do funcionamento do posto de saúde para atendimento básico foram ressaltados, sendo solicitada providência pelo Parlamento.
Tramitação
A pauta tradicional da sessão foi seguida e cada um dos itens na Ordem do Dia foram examinados. Ao longo da sessão, os vereadores aprovaram a tramitação em regime de urgência urgentíssima do Projeto de Lei 141/2016, que busca autorização para o Poder Executivo Municipal proceder o parcelamento de dívida com a Caixa Econômica Federal, referente ao FGTS; do PL 142/2016, que trata de contratações, por tempo determinado, para atender necessidades temporárias de excepcional interesse público do município, vinculadas à secretaria de Saúde; e o PL 138/16, que altera redação da Lei de concessão de uso de área à Casa de Apoio ao Paciente Oncológico.
Agricultura
Os parlamentares também falaram da importância da agricultura para Uruguaiana e de incentivos para a permanência de jovens na economia rural. O assunto foi introduzido com a exposição de uma beterraba produzida em horta da localidade, com adubo gerado a partir de esterco e cinzas que proporcionam unidades em tamanho maior em relação aos normalmente comercializados. Diante dessas considerações, os vereadores indicaram a necessidade de o Poder Executivo incentivar os produtores do município e do comércio valorizar esses produtos.

Schirmer vem a Uruguaiana na próxima semana

Gabriela Barcellos

Na próxima sexta-feira, 9/12, o secretário estadual de Segurança Pública, Cezar Schirmer, estará em Uruguaiana. A agenda do Secretário no município começa com um encontro com as autoridades locais da segurança pública.
Depois, ele participa de um encontro que, conforme definido em reunião ocorrida ontem, 2/12, com os órgãos de segurança, acontecerá na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), na Rua Duque de Caxias e, por fim, fará uma visita à Aduana Internacional.
Entre as preocupações que foram elencadas na reunião de ontem, ocorrida na sede do Sindilojas, está a preparação para a recepção dos turistas que passarão pela fronteira Uruguaiana/Paso de los Libres. Por lá, deverão passar cerca de dois milhões de visitantes durante a temporada de verão que se aproxima.
Dotar a recepção ao turista com estrutura compatível, segurança adequada, sanitários suficientes, informações dentro das necessidades de seus deslocamentos, entre outras situações, foram os principais focos de debate entre os representantes dos diversos setores reunidos. O tema deverá ser tratado com Schirmer durante o encontro.

Vice-governador estará em Uruguaiana

Gabriela Barcellos

O vice-governador do Estado, José Paulo Cairoli (PSD), estará em Uruguaiana, na próxima semana. O município de Bagé também receberá o político. O objetivo é apresentar medidas de modernização do Rio Grande do Sul encaminhadas à Assembleia Legislativa e o encontro acontece na sede da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Uruguaiana.
Cairoli também deverá se reunir com o prefeito e o vice-prefeito eleito, Ronnie Mello (PSD) e Antônio Augusto Brasil Carús (PSD).
O político, que mantém laços familiares com Uruguaiana, foi um dos principais responsáveis pela formação da coligação vencedora nas últimas eleições. Em uma visita a Uruguaiana, foi Cairoli, então presidente estadual do Partido Social Democrático, quem convidou o ex-prefeito Carús – então filiado ao PTB – para ingressar no Partido, já com a proposta de apoiar o jovem Ronnie Mello na corrida pelo Palácio Rio Branco. A receita foi um sucesso e Ronnie e Carús foram eleitos com 63,02% dos votos válidos.

Uruguaiana terá parque eólico dentro de quatro a cinco anos

Gabriela Barcellos

Na próxima semana, mais uma torre anemométrica deverá entrar em operação. A informação é do secretário de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho, Jorge Prestes Lopes.
Depois de ter sido apontada como segunda cidade com maior potencial para desenvolvimento de energia eólica, Uruguaiana passou a receber investimentos na área, visando monitorar a capacidade local visando a implantação de um parque eólico.
Atualmente, conforme o Secretário, a empresa Epcor Energia, que já possui duas torres em operação em Uruguaiana – uma no Carumbé e outra no Imbaá – instalará a terceira torre na localidade de Caiboaté. “Além dessa torre, outras duas torres serão implantadas no município em janeiro, por esta mesma empresa”, explica. O diretor da Epcor Energia, Nilo Quaresma, esteve reunido com Prestes Lopes e com o prefeito Luiz Augusto Schneider (PSDB) nesta semana, para anunciar as medidas.
“Entre as torres já operando, temos uma que está fazendo a medição já há 14 meses, quando a exigência da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para participar de leiloes e de 36 meses. Uruguaiana deverá ter um parque eólico operando dentro de quatro a cinco anos, o que mudará a realidade econômica do município”, destaca Prestes Lopes.
Outras duas empresas também possuem torres anemométricas operando no município, a Eletrosul e a Renobrax.

Painel Ed.2691

Uruguaianense no Sesc Triathlon Circuito

Uruguaianenses estiveram entre os mais de 350 atletas, de 12 estados brasileiros, que participaram da etapa gaúcha do Sesc Triathlon Circuito Nacional 2016. Esta foi a última prova do ano, que passou por outros sete Estados ao longo de 2016. Entre os atletas de Uruguaiana está Mozart Rosa Moreira, que ficou em 3º lugar na categoria Comerciário 40 anos Mais Masculino.

Cumpleaños

A advogada Débora Valim comemora neste domingo, 4/12, mais um ano de vida. Parabéns, Débora!

Feira do Livro

Começou ontem, 2/12, a 40ª Feira do Livro de Uruguaiana. O lançamento oficial ocorreu no início da noite, na frente da Catedral de Sant’Ana. Nesta edição, de acordo com a Prefeitura Municipal, serão 20 livreiros oriundos de diversas localidades do Estado, além de vasta programação cultural e presença de escritores de destaque estadual. O evento se estende até o dia 11.

Freio de Ouro
Na última sexta-feira, 25/11, Alegrete sediou uma credenciadora mista ao Freio de. O trio composto por Daniel Justen, Francisco Martins Bastos Sobrinho e Vinicius Freitas foi o responsável por assumir a responsabilidade do julgamento da prova que garantiu o pódio à Dona Flor de São Pedro e Ironia Mapocho. Com a supervisão técnica do credenciado da Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC), Thiago Persici, o evento também foi comtemplado pelas emoções do Freio Jovem.

Trigo I
Foram realizados ontem, 2/12, o primeiro leilão de Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro) e de Prêmio para Escoamento do Produto (PEP), para apoiar a comercialização de trigo da safra 2016/2017. No Pepro, foram negociadas 92,57 mil toneladas do cereal das 107,5 mil toneladas disponíveis. Do RS, foram 42,26 mil toneladas de um total de 50 mil toneladas colocadas em oferta, ou seja, vendidas 84,53% do total.

Trigo II
Já no PEP, com a mesma quantidade ofertada, foram vendidas apenas 36,79 mil toneladas, ou seja 34,22%. Dos produtores gaúchos foram 21,6 mil toneladas de 50 mil toneladas disponíveis, representando 43,2% do total colocado à venda, fechando em 63,86 mil toneladas nos dois mecanismos.

Baita
Neste Natal terá festão no Baita Bar. O Baita Natal da Galera começa às 23h59 do dia 24/12 e se estende até às 8h do Dia de Natal. A estrutura inclui pista, lounge e bares. Dj’s tradicionais que animarão a festa com músicas para todos os gostos, do Pop ao Eletrônico, do Hip-hop ao Funk.

Vagas Sine

Torneiro mecânico 1
Soldador mecânico 1
Auxiliar de serviços de importação e exportação 1
Vendedor pracista técnico 1
Editor de texto e imagem - folders e cartazes 1

Pecuária I
A pecuária de corte é o tema da próxima edição do projeto Noite da Pecuária, desenvolvido pelo Centro de Tecnologia em Pecuária (CTPEC) da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), que acontece no próximo dia cinco às 19h, no Salão Nobre do Parque Agrícola e Pastoril.

Pecuária II
O painel ‘Cenários para a pecuária de corte’ terá a palestra ‘Estratégia para as exportações do Rio Grande do Sul’, a cargo do presidente da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne e ‘Cenário e perspectivas: situação atual e alternativas para a pecuária gaúcha’, a cargo do sócio e coordenador da Divisão Pecuária da Empresa Agroconsult’, Maurício Palma Nogueira.

Meu Deus
Enquanto a Brigada Militar, com um efetivo de 80 soldados, está sem “comando” em Uruguaiana, conforme o promotor de justiça Luiz Antônio Barbará Dias, um soldado raso, ex-brigadiano aposentado por invalidez, comanda mais de 120 homens. Pelo jeito, o Piratini não quer mandar pra cá nem o cachorro do palácio.

Cinema
Neste fim de semana tem CineSesc. A sessão acontece às 16h de hoje, 2/12, na sala do Sesc, localizada na esquina das ruas Flores da Cunha e Santana. Será exibido o filme ‘Hipócrates’. A entrada é gratuita.

Miguelão
Os resultados de quinta-feira, 1/12, do Miguelão foram:
Conesul 4 x 6 Manchester
Só Te Pegando 6 x 3 Ponche Verde
Tito 4 x 6 Padaria Sônia Marisa
Centauro 1 x 5 Jarau.

Aprovado I
A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa aprovou na terça-feira, 29/11, o projeto de lei 34/2015, de autoria do deputado Elton Weber (PSB), que equipara o limite para o enquadramento de micro produtor rural ao de microempreendedor.

Aprovado II
Pelo projeto, o teto de renda anual sobe de 15 mil UPF´s para 25.200 UPF´s, ou de R$ 257.161,50 para R$ 432.031,31. Pelo tramite, o projeto segue para a Comissão de Finanças. Mas Weber já antecipou: tentará um acordo de líderes para que a votação em Plenário ocorra na semana que vem.

Aprovado III
O principal benefício do reenquadramento é que o agricultor classificado como micro produtor ficará livre da obrigatoriedade de emissão da Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) até 2019, o que dará mais prazo e condições para negociar com o governo uma forma de atender as exigências da legislação já que, neste momento, não foram oferecidas condições operacionais para o cumprimento das regras.